02/06/2011

Fetape entrega Pauta do 3º Grito da Terra ao Governo de Pernambuco

A Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Estado de Pernambuco (Fetape) entregou, nesta terça-feira (31/05), ao Governo do Estado, a Pauta de Reivindicações do 3º Grito da Terra Pernambuco. O documento tem 127 itens, divididos em Pontos Centrais e quatro Eixos Estratégicos com proposições que visam melhorar a vida de trabalhadores e trabalhadoras do campo.

Cada eixo é composto por pontos que tratam da educação, saúde, reforma agrária, organização da produção, geração de emprego e renda, além de temáticas que transversalizam esses elementos, como as questões de gênero, geração, raça e etnia.

O processo de construção da pauta envolveu todo o conjunto de diretorias e coordenações da FETAPE, como também dirigentes sindicais de todo o estado, através de três seminários na Zona da Mata, Agreste e Sertão, além de um encontro com representação da juventude rural. As proposições apresentadas são o resultado de intensas discussões nesses grupos.

O objetivo do conjunto das reivindicações é contribuir para o desenvolvimento do estado de Pernambuco, preservando e valorizando os elementos culturais, considerando, prioritariamente, a integração e o crescimento conjunto entre o campo e a cidade, de forma socialmente justa, ambientalmente sustentável, economicamente viável e politicamente democrática.Além da diretoria da Fetape, representantes de alguns Sindicatos devem participar da entrega da Pauta. Até o momento, a informação que se tem é a de que secretários do Governo irão receber a comissão nesta tarde (15h), no Palácio do Campo das Princesas.

O Grito - O Grito da Terra é um evento do Movimento Sindical dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (MTTR), que tem como característica fundamental a grande mobilização de agricultores e agricultoras. Ele se constitui num importante marco de construção de proposições de ações para o campo, que têm interferência direta no meio urbano.

No estado de Pernambuco, é a maior ação de massa do MTTR, reunindo, ao longo dos anos, milhares de trabalhadores e trabalhadoras. Essa mobilização é promovida pela FETAPE, com o apoio dos Sindicatos, da CONTAG e da CUT.

O primeiro Grito da Terra no Estado de Pernambuco ocorreu no ano de 2005, com uma participação de cerca de seis mil pessoas, tendo envolvido não só o conjunto do MSTTR, mas outras organizações que atuam com a população do campo.

Como resultados expressivos dos Gritos anteriores podem ser apontados a realização de concursos para contratação de técnicos de extensão rural, a constituição da Secretaria Executiva da Agricultura Familiar e a formalização do Instituto de Terra de Pernambuco (ITERPE), como instituto.

Este ano, o Grito da Terra Pernambuco acontecerá no dia 07 de julho, quando cinco mil trabalhadores e trabalhadoras rurais devem fazer uma grande caminhada no Recife. Na ocasião, o Governo do Estado deverá se posicionar sobre as reivindicações apresentadas.

Compartilhe no
Notícias relacionadas...

Outras notícias...

Expediente:
Presidenta: Suzineide Rodrigues • Secretário de Comunicação: Epaminondas Neto • Conselho Editorial: Suzineide Rodrigues, Epaminondas Neto, Josenildo Santos, Beatriz Albuquerque e Expedito Solaney • Jornalista Responsável: Beatriz Albuquerque  Redação: Beatriz Albuquerque e Brunno Porto • Produção de audiovisual: Kevin Miguel •  Programação Visual: Bruno Lombardi