27/06/2017

Bancários contam com assessoria jurídica para requerer revisão do FGTS


O Sindicato dos Bancários de Pernambuco ingressará nesta semana com ações na Justiça do Trabalho para requerer a revisão na correção dos valores do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Em virtude do considerável período transcorrido desde o último cadastramento em 2014, os bancários que já solicitaram participação no processo devem atualizar os seus documentos na Secretaria de Assuntos Jurídicos da entidade. O objetivo é também possibilitar que demais trabalhadores ainda possam reclamar tais ajustes.


“As ações relativas à correção do FGTS são individuais e por isso precisamos que os bancários interessados assinem uma nova procuração para os advogados ingressarem na Justiça”, explica o secretário da pasta, João Rufino.


Além da procuração atualizada, os bancários sindicalizados que tiverem interesse na ação devem procurar o departamento jurídico, nos casos de cadastro ou recadastro, com a seguinte documentação: RG, CPF, comprovante de residência, número do PIS, cópia da Carteira de Trabalho (páginas que constem a identificação, o número e os contratos de empregos celebrados de 1999 até hoje, qualificação civil e opções pelo FGTS). Para os aposentados, além destes documentos, o termo de rescisão e o de homologação.


PROCURAÇÃO- Os bancários que assinaram a procuração antes do início da atual gestão do sindicato (Julho/2015), devem procurar a secretaria de Assuntos Jurídicos da entidade para fazer uma nova. Clique aqui para baixar o modelo da procuração.


REAJUSTE -A correção do FGTS é feita pela Taxa de Referência (TR) e, desde 1999, os valores têm sido menores que a inflação. “Nas ações impetradas pelo Sindicato, estamos requerendo que sejam utilizados outros índices oficiais, como o INPC ou IPCA. Mas, lembramos que o STF ainda não aprovou o índice de reajuste”, explica Rufino.



Compartilhe no
Notícias relacionadas...

Outras notícias...

Expediente:
Presidenta: Suzineide Rodrigues • Secretária de Comunicação: Daniella Almeida • Conselho Editorial: Suzineide Rodrigues, Daniella Almeida, Adeílton Filho e Epaminondas Neto • Jornalista Responsável: Micheline Américo  Redação: Beatriz Albuquerque e Ingrid Elihimas • Coordenação, Supervisão e Produção de audiovisual: Tempus Comunicação •  Programação Visual: Bruno Lombardi