27/03/2011

Sindicato cobra dos bancos o fim das mestas abusivas

Representantes dos bancários e dos bancos retomaram nesta sexta-feira, dia 25, as negociações da mesa temática sobre saúde. A primeira reunião foi marcada pelo intenso debate entre o Sindicato e a Fenaban em torno das metas abusivas. Os dirigentes sindicais voltaram a reivindicar que as metas não sejam mais um foco de adoecimento e de assédio moral como acontece atualmente nos bancos públicos e privados.

A presidenta do Sindicato, Jaqueline Mello, destaca que as metas são uma das principais reclamações dos bancários. “O assédio moral que tomou conta das agências de departamentos dos bancos é causado, principalmente, pelas metas abusivas. Elas têm acabado com a saúde física e mental dos bancários e, por isso, queremos estabelecer parâmetros”, explica

Entre as propostas dos bancários para as metas estão a participação de todos os trabalhadores nas suas estipulações e na aferição, que sejam coletivas e definidas de acordo com a realidade do departamento ou da agência e que não pode haver meta para o caixa.

Embora os representantes dos bancos tenham afirmado que as metas são prerrogativa de cada instituição financeira, o posicionamento do Sindicato é de que elas não podem ser foco de adoecimento do trabalhador.

A próxima rodada da mesa temática acontecerá em maio, com data a ser definida. Na pauta estará o Programa de Reabilitação Ocupacional (PRO), que estabelece, entre outras medidas, que a pessoa que recebe alta do INSS tenha condições de um retorno gradual, onde seja respeitada a sua condição de saúde e com mobiliário adequado às suas necessidades.

Segundo Jaqueline, este programa já está previsto na Convenção Coletiva dos Bancários, mas sua adesão é facultativa por parte dos bancos. “Como as instituições financeiras não se interessam em cumprir essa cláusula, queremos acertar com a Fenaban que ela se torne obrigatória”, afirma Jaqueline.

Outras mesas – A volta da mesa sobre terceirização será em 31 de março e a segunda rodada sobre segurança, em 29 de abril. A reunião da mesa temática de igualdade de oportunidades, agendada também para o dia 29, foi adiada a pedido da federação dos bancos (Fenaban). Ainda não foi definida nova data.

Compartilhe no
Notícias relacionadas...

Outras notícias...

Expediente:
Presidenta: Suzineide Rodrigues • Secretário de Comunicação: Epaminondas Neto • Conselho Editorial: Suzineide Rodrigues, Epaminondas Neto, Josenildo Santos, Beatriz Albuquerque e Expedito Solaney • Jornalista Responsável: Beatriz Albuquerque  Redação: Beatriz Albuquerque e Brunno Porto • Produção de audiovisual: Kevin Miguel •  Programação Visual: Bruno Lombardi